GatosComo cuidar de um gato mais velho?

15 de junho de 2022by Michele Leite0
https://vivaosanimais.com.br/wp-content/uploads/2022/06/Como-cuidar-de-um-gato-mais-velho-2.jpg

Quando um gato se torna um idoso? Que sintomas indicarão que o gato está envelhecendo e como mudar os cuidados de um gato mais velho para que ele possa desfrutar de saúde plena o maior tempo possível?

Chega um momento em que você começa a se perguntar por que seu gato até então ativo dorme mais e não pula nos móveis com tanta avidez quanto antes. Esses podem ser sintomas da velhice do gato, que discutiremos com mais detalhes neste artigo.

Quanto tempo vive um gato?

Os gatos envelhecem em taxas muito diferentes, mas presume-se que a maturidade esteja entre as idades de 7 e 12 anos. Falamos de um gato sênior quando o gato tem cerca de 12 anos. A expectativa de vida dos gatos que vivem em casas aumentou significativamente. 

Isso se deve ao melhor atendimento, prevenção de doenças e maior conscientização dos cuidadores. Atualmente, podemos conhecer muitos idosos felinos que, com 14 ou até 18 anos, ainda estão ativos e em boas condições.

Sinais da velhice de um gato

Quais sintomas que seu gato pode estar envelhecendo? Você pode notar perda de peso em um gato mais velho devido a uma capacidade reduzida de absorver os nutrientes de seus alimentos (principalmente proteínas e gorduras).

O pior funcionamento do trato digestivo, de órgãos como o fígado e o pâncreas, pode reduzir a capacidade de absorção dos nutrientes necessários.

O período de envelhecimento é também um período de alterações metabólicas, que se traduzem na alteração das necessidades energéticas do animal, entre outras coisas. Ao mesmo tempo, o risco de doenças renais e do trato urinário inferior aumenta com a idade.

Alimentando um gato idoso

O cuidado integral ao idoso saudável está associado a mudanças graduais, pequenas e adequadas na alimentação, adequadas ao estado atual. Dependendo da situação, isso significa uma maior participação de alimentos úmidos na dieta ou a introdução de certos suplementos alimentares que podem melhorar o funcionamento do corpo. No entanto, a dieta deve ser equilibrada e destinada a gatos mais velhos.

DICA: Dê ao seu gato comida apropriada para sua idade e condição. Escolha as melhores rações para felinos. A ração para gatos sênior tem um maior nível de ingredientes energéticos para satisfazer a maior necessidade de nutrientes. 

Eles também têm um nível reduzido de fósforo, graças ao qual minimizam o risco de insuficiência renal crônica. Lembre-se que seguindo os princípios da nutrição adequada, você pode prolongar a vida do seu gato!

O gato precisa se movimentar

Mesmo um gato idoso, precisa se movimentar. Sabemos que eles já não têm a mesma disposição de antes, mas ofereça brinquedos, leve para pequenas caminhadas no jardim (cuidado para que ele não fuja, pois um gato com idade avançada tem mais dificuldade para conseguir retornar para casa ou se proteger dos perigos da rua).

Cuide bem do seu felino, proteja do frio e seja seu parceiro. A vida dos nossos bichinhos é muito curta, e eles são dependentes dos humanos para praticamente tudo, por isso é nosso dever protegê-los e estarmos atentos a qualquer sinal que ele apresente!

O bem estar de seu gato é muito importante para nós!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *